Resenha do Livro "Gênesis"

Esse livro está na minha estante há algum tempo e após muita discussão resolvi entrar minhas férias lendo ele e fiquei surpresa.

O livro conta a história de um novo mundo, uma nova raça. Anaximandra, a protagonista, (que nome esquisitinho esse!) está prestes a começar uma entrevista para ser aceita na “Academia” e o tema escolhido por ela foi o “herói” Adam Forde, em quatro horas ela terá que usar todo o seu conhecimento, contudo descobrirá que essa instituição esconde segredos obscuros e que tudo o que ela pensava sobre a história de seu povo pode não ser toda a verdade.

O resumo na contra-capa não descreve o livro e muito menos a capa (que apesar de ser bonita deixa muito a desejar em comparação a história do livro), logo no inicio da leitura achei que seria como ‘Feios’, mas tirando se passar no futuro e em uma nova sociedade, a história vai por rumos diferentes. Toda a narrativa dessa sociedade você conhece através da entrevista de Anax, sendo o livro dividido entre as horas e os intervalos da avaliação e é escrito como diálogos de roteiro entre os entrevistadores e Anaximandra. O nascimento daquele novo mundo veio após muitas guerras, um grupo conseguiu se salvar na “Ilha Norte” e todas aqueles que depois da locação do grupo na ilha tentavam se aproximar eram mortos, a hierarquia dessa sociedade era trabalhadores, soldados, técnicos e filósofos (do menor para o maior) sendo as crianças separadas das mães e testadas para serem classificadas ou sacrificadas (muito parecido com Grécia e Roma né?), mas Anax se encontra inda mais no futuro e o tema de sua pesquisa é Forde um soldado que mudou a história, ai vem a questão, mas será que foi ele que realmente mudou a história?

O livro discuti muito sobre o medo e a consciência (chega a ser um tanto filosófico) é um livro complexo mas interessante, uma coisa super estranha ao meu ver é ter uma mulher chamada “Aristóteles” O.O .  Eu gostei do livro, dos seus comentários filosóficos (o que fez lembrar muito meu professor de filosofia, foi quase como uma aula dele quando Anax fala de Sócrates kkkkk).O final me surpreendeu (ainda não sei se foi bom ou ruim essa surpresa), depois de um bela discussão no decorre da história sobre o que é ser humano, o final me frustrou e encantou (mas acho que me frustrou muito mais)
O livro está indicado, só tenham paciência na hora da leitura.
Beijos!

13 comentários:

Kris Wannieg disse...

O livro nao me interessou muito, mas gostei da resenha ^^

Eu nunca li Feios, mas quando olhei para a capa desse livro pensei "Ué, eu não sabia que Feios era uma saga"

Té mais...
http://bmeloescrt.blogspot.com/

Juan disse...

Esse livro despertou minha curiosidade a um certo tempo, gostei da capa, e acho que a estória parece bem interessante. Diferente a forma como ela é contada. Boa resenha!

http://sempre-lendo.blogspot.com/

Abraços
Juan

Juliana . Oliveira disse...

Parabéns pela resenha! Muito bem escrita!
Na verdade o livro despertou minha curiosidade e até fiquei com vontade de lê-lo, mas, eu sou uma leitora que perde a concentração um pouco fácil demais então espero que na hora da leitura eu não tenha que ficar toda hora para ler. kkk'
Um beijo .*

Juliana . Oliveira
http://linhasdeencanto.blogspot.com/

Kaah'riny - disse...

Hey,
Já li esse livro e devo confessar que ele me surpreendeu bastante, principalmente o final. *-*
Eu gostei.
Porém, quando eu comprei eu pensei que a estória seria totalmente diferente, eu esperava mais da vida na Republica, e esperava mais sobre a Eve (O que aconteceu com ela? haha')
Mas eu curti muito o livro, ele me fez pensar bastante. (:

Beijos,
april-1993.blogspot.com

Glaucea Vaccari disse...

Eu já vi esse livro na livraria, mas nunca me interessei por ele. Pensei que a história era diferente, sobre outra coisa. E apesar de gostar de livros que tem novos mundos, novas sociedades, não gosto de livros muito filosóficos, então não vou me arriscar a ler.
Bjo

Jovens Leitoras disse...

Fiquei curiosa, mas meio confusa (tipo você na hora de saber se se encantou ou se te frustou). Mas acho que leria, se ganhasse ou etc. Tenho outros livros que tenho mais vontade de ler e ter paciência na hora da leitura não é comigo! HAUHAUHA.

Beijos, Bárbara.

Vanessa disse...

Oi querida, obrigada pela visitinha lá no Blog do Balaio, vim retribuir seu carinho.
Estou seguindo seu blog e gostei bastante dele também viu.

Vanessa - Balaio

Books Journal disse...

Realmente, olhando assim parece mesmo a história de Feios, que não me agradou muito c.c Parece bem interessante e devo dizer que nunca tinha nem ouvido falar a respeito do livro (;

Beeeijo Clara.
Kaká xxx

Thaís Cavalcante disse...

A capa é bem interessante, apesar de não passar a ideia do que você nos disse na resenha.

Sua resenha ficou maravilhosa, acho que leria o livro.

Um beijão,
Pronome Interrogativo.
http://www.pronomeinterrogativo.com

Rayra Mirelem disse...

Não conhecia o livro, mas fiquei animada e curiosa com sua resenha :)

Beijos,
Books Lovely

Kris Wannieg disse...

passando pra avisar que tem um meme pra vc lá no blog.

Té mais...
http://bmeloescrt.blogspot.com/2012/01/selinho.html#more

Anastácia disse...

Adorei a resenha! Gosto bastante desses livros que tratam sobre uma sociedade novo do futuro, como você falou, é semelhante a Feios. Jura que tem toda essa discussão filosófica? Eu curto filosofia mas tem vezes que tudo o que eu quero é relaxar, sabe? Então ficar martelando com questões aristotélicas na minha mente não seria muito bom, hahaha. Mas enfim, gostei do livro, vou colocar na minha lista de desejo ;)

Bjs,
Anastácia - Heart Books

Karine Marinho disse...

O livro não me despertou atenção. Não parece que eu teria paciência para entrar na leitura desse livro! :/
Beijos,K.
Girl Spoiled